Vamos Orar?

Todo o primeiro dia de cada mês, estaremos unidos em oração por Missões e pelas Nações. Convidamos você a fazer parte dessa corrente de oração, pois cremos que “a oração feita por um justo pode muito em seus efeitos” (Tg. 5:16b). Neste dia, aproveite para postar em nosso mural as suas experiências através da intercessão e aquilo que o Espírito Santo tem ministrado ao seu coração sobre este propósito. Participe também do nosso chat que estará disponível a partir das 20h de cada primeiro dia do mês.

Aqui estão os nossos motivos principais de oração. São sugestões, mas permita-se que o Espírito Santo conduza seu período de oração acrescente outros pontos a esta lista.

  • Coreia do Norte: Local no planeta onde ser cristão é mais difícil. Os cristãos são presos, torturados e mortos. No entanto, a Igreja está crescendo: há cerca de 400.000 cristãos no país. A Coreia do Norte mantém há anos a posição número 1 no ranking de perseguição aos cristãos. Oremos para que toda a barreira possa cair, que as portas dessa nação se abram para o Evangelho e para que as pessoas que têm sido ameaçadas, torturadas ou estão presas por causa do nome de Cristo sejam fortalecidas e permaneçam fiéis;
  • Países onde há perseguição/proibição a divulgação do Evangelho de Cristo;
  • Despertamento da consciência missionária em cada coração e nas lideranças de igrejas;
  • Missionários que estão no campo: para que eles sejam fortalecidos pelo Espírito; para que tenham visão/estratégias para conquistar as almas; para que estejam guardados de toda retaliação do mal; para que todas as suas necessidades sejam supridas; pelas suas famílias.
  • Novos missionários: para que neste tempo do fim, novos missionários se levantem para propagar a salvação que há no nome de Jesus.
  • Intercessores/Mantenedores: para que a cada dia se levantem novos intercessores/mantenedores para a Obra missionária;
  • Pelas vidas perdidas, que ainda não conhecem a Jesus – que possam ser alcançados em tempo oportuno.
  • Pelas nações: saúde, segurança, famílias, sistema penitenciário, contenção do avanço das drogas, liberdade religiosa, proibição do aborto, juventude, crianças, violência contra a mulher, etc.